domingo, 19 de dezembro de 2010

Nós aqui no Forte Santa Teresa e vcs ai com nós no Pioneiro e Zero hora..

*       BESOUROS
Quatro Fuscas, uma Kombi e uma F-1000. Doze amigos e 10 mil quilômetros. Um grupo de aventureiros de Caxias do Sul inicia hoje uma expedição rumo à Carretera Austral, no Chile. A viagem passará também pelo Uruguai e pela Argentina. A trupe inclui administradores, professores, empresários, estudantes, um advogado e um mecânico.

ZERO HORA DE 18/12/10


PIONEIRO 18/12/10

De ‘besouro’ rumo à Patagônia
Amigos farão viagem até o Chile a bordo de Fuscas e Kombi
Caxias do Sul – Doze amigos, quatro Fuscas, uma Kombi, uma F-1000 e muito espírito aventureiro são os ingredientes da expedição que uma trupe de caxienses realiza a partir deste sábado rumo à Carretera Austral, no Chile. A bordo dos charmosos ‘besouros’ (quatro Fuscas fabricados em 1959, 1963, 1970 1974 e uma Kombi de 1974), o grupo vai percorrer 10 mil quilômetros até a rodovia que liga a Patagônia ao resto do Chile. A viagem passará também pelo Uruguai e pela Argentina. O retorno está previsto para 10 de janeiro.

Nos primeiros dias, o comboio deverá percorrer uma média de 700 quilômetros pelas costas uruguaia e argentina junto ao Oceano Atlântico. No roteiro, estão planejadas paradas em pontos estratégicos como o Chuí, no extremo sul do Rio Grande do Sul, as capitais uruguaia e argentina, Montevidéu e Buenos Aires, respectivamente, e um parque em Torres del Paine, próximo ao Estreito de Magalhães, onde eles irão acampar na noite de Natal. O roteiro inclui ainda a prática de rafting nas corredeiras do Rio Futaleufu e a participação no 1º Encontro Sulamericano de Fuscas, em Buenos Aires, no dia 9 de janeiro.

Batizada de Fuscaustral, em referência ao nome de uma rodovia construída a partir de 1976 por ordem do Regime Militar, a expedição começou a ser planejada há cerca de um ano e meio nos encontros periódicos dos amigos. De diferentes áreas profissionais – há no grupo administradores, professores, empresários, estudantes, advogado, mecânico – todos sempre gostaram de viagens fora do convencional. Em pouco tempo, montaram um caixa e passaram a fazer depósitos mensais para custear a aventura.

Para evitar imprevistos, a lista de apetrechos é extensa. Inclui rádios para todos os veículos, peças para reposição em caso de panes e GPS. A caminhonete F-1000 que servirá de carro de apoio levará o que eles chamam de “El Freezer” para armazenar e conservar os mantimentos que serão consumidos ao longo da jornada.

O empresário Fabiano Gasperin, 33 anos, é o único do grupo que já percorreu o trajeto. Em 2004 ele fez a mesma viagem, porém a bordo de uma caminhonete. Agora, irá de Fusca. A expectativa dele é a mesma de seis anos atrás.

– A parte mais complicada é na costa do Atlântico, porque é uma região aberta e venta muito. A Carretera não tem muita dificuldade, mas é estrada de chão – afirma Gasperin.

Aos 23 anos, o estudante de Comércio Exterior Estevan de Lazzer é o mais jovem do grupo. O rapaz foi também o último a se juntar à trupe ao assumir a vaga aberta por um ex-participante.

– Sempre foi um sonho fazer essa viagem. É uma parte da América bastante isolada, cheia de belezas naturais, geleiras, estradas desertas. Para mim é uma emoção, ainda mais que adoro carros – conta Estevan.
diego.adami@pioneiro.com
DIEGO ADAMI
Grupo é apaixonado por Fusca
A paixão por Fusca é outro ponto em comum de alguns dos integrantes do grupo que parte de Caxias na madrugada deste sábado rumo ao Chile. O automóvel na cor ocre-marajó do administrador Leandro Ravizoni, 36, por exemplo, está há 11 anos na família. Foi com o veículo, fabricado em 1974, que a mãe dele aprendeu a dirigir. O carro também já pertenceu à irmã.

O securitário Cláudio Costa, 35, também é admirador de Fuscas. O besouro branco ano 1963 que ele põe na estrada neste fim de semana foi adquirido em 2006.

– Sempre quis ter um – diz, orgulhoso.

Mesmo pegando só “uma carona” até Buenos Aires, o coordenador de almoxarifado Vandré Stedten Pereira, 27, também não esconde o gosto pelo automóvel. Primeiro modelo fabricado pela Volkswagen, o Fusca foi também o primeiro carro adquirido por Pereira.

– Sou apaixonado!

Um comentário:

  1. Parabens pela linda e fascinante viagem, encontrei com vcs na carretera austral.
    Espero ver vcs dando a volta pelo mundo de fusca.

    Robson Ramos
    Telemaco Borba - Pr
    ps: estavamos em 2 hilux prata

    ResponderExcluir